peruspnc

arusweb06

pp zip sul06

pdm2revisao

turismolazer03

recolha monos01

estrategia 25

risco incendio

 II Fórum Terras do Lince discutiu Raia Ibérica

Discutiu-se em Penamacor o futuro da Raia Ibérica, no II Fórum Terras do Lince - Carta Europeia de Turismo Sustentável. Para o Presidente da Câmara Municipal de Penamacor os problemas dos dois lados da fronteira são comuns

O II Fórum Terras do Lince – Carta Europeia do Turismo Sustentável discutiu, na sexta-feira, dia 26 de outubro, a situação da Raia Ibérica e as sinergias que podem ser criadas entre os dois lados da fronteira, partilhando, igualmente, várias experiências do lado luso e do lado espanhol. Com o tema “Diálogos com a Raia Ibérica”, a iniciativa, que decorreu na sede do Agrupamento de Escolas Ribeiro Sanches (AERS), contou com a presença dos presidentes das Câmaras Municipais de Penamacor, António Luís Beites Soares, e de Almeida, António Machado, do vereador do Município do Sabugal, Amadeu Neves, e do representante do ICNF – Instituto de Conservação da Natureza e Florestas, António Cabanas, para a sessão de abertura.
O presidente do Município anfitrião, António Luís Beites Soares, deu as boas vindas aos presentes e lembrou que “os problemas que temos do lado português são sentidos, igualmente, do outro lado da fronteira”. “Cada vez temos menos gente, com pirâmides etárias invertidas e populações envelhecidas. Esta é a nossa realidade, temos que viver com ela e lutar para que isto possa mudar”, disse.
O evento contou, ainda, com a presença de um representante da Diputación de Cáceres, seguindo-se um testemunho de Artur Pegas (Papa-Léguas), Carlos Martinez (Fundación Naturaleza e Hombre), Paulo Castro (Federação Europarc) e por fim, Marco Ferraz (Ambieduca). A organização foi da responsabilidade da Territórios do Côa – Associação de Desenvolvimento Regional.
A meio da tarde, os presentes puderam, ainda, saborear um lanche confecionado pelos alunos do Curso Profissional de Cozinha e Pastelaria do agrupamento de escolas, com recurso a produtos endógenos e genuínos do território Terras do Lince.
Recorde-se que a Federação Europeia de Parques Nacionais e Naturais (Europarc) atribuiu a Carta Europeia de Turismo Sustentável (CETS) à candidatura do território da Serra da Malcata dinamizada pelos municípios de Penamacor, Almeida e Sabugal.
A CETS denominada “Terras do Lince”, que envolve uma vasta parceria entre os agentes locais de desenvolvimento, tem como objetivo promover a região abrangida ao nível do turismo sustentável nesta área protegida.

ftl1 ftl2 ftl3 ftl5 ftl4 ftl6 ftl7 ftl8 ftl9 ftl10 ftl11 ftl12 ftl13 ftl14

 

29/10/2018

tl bt



bm bt44
rcbpenamacor

 

vm2018

feira livro2018 01

cjfp inauguracao1

cjfp magusto1

ateliesvilamadeiro01

orimadeiro2018 a

expo qrp01

visitas guiadas encenadas2018

link exposicoes